Glossário
Glossário

Glossário

CDP: Organização internacional, sem fins lucrativos, que analisa e reconhece os esforços de empresas no mundo para gerir os impactos ambientais de suas atividades. 

CERFLOR: Programa Brasileiro de Certificação Florestal. A certificação de manejo florestal CERFLOR atesta que o empreendimento conduz o manejo florestal em conformidade com requisitos ambientais, sociais e econômicos. Normas foram elaboradas no âmbito da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e a aplicação do Certificado é gerida pelo Instituto Nacional de Metrologia (Inmetro).

Ciclo PDCA: Plan, Do, Check and Act (em português: Planejar, Fazer, Checar e Agir). É um método de gestão utilizado para o controle e melhoria contínua de processos e para a solução de problemas nas empresas. Esse método é utilizado, normalmente, para solucionar problemas que não são facilmente visualizados.

Combustíveis fósseis: recursos não renováveis utilizados para a produção de energia por meio de sua queima. São formados por decomposição de material orgânico ao longo de milhares ou milhões de anos. O petróleo, o carvão mineral e o gás natural são exemplos de combustíveis fósseis, que, em razão da emissão de gases de efeito estufa, respondem por grande parcela dos impactos no meio ambiente.

COP26: a Conferência das Partes ou COP está dentro de um tratado internacional estabelecido pela Convenção-Quadro das Nações Unidas (ONU) sobre a Mudança do Clima (CQNUMC). É a autoridade máxima para a tomada de decisões em relação aos esforços para controlar a emissão dos gases do efeito estufa. A COP26 será a 26ª Conferência e será realizada de 1º a 12 de novembro de 2021, em Glasgow, na Escócia.

Corpo hídrico: denominação genérica para qualquer manancial hídrico; curso de água, trecho de rio, reservatório artificial ou natural, lago, lagoa ou aquífero subterrâneo.

DBO5: Demanda Bioquímica de Oxigênio. Teste padrão, realizado a uma temperatura constante e durante um período de incubação de cinco dias. É medida pela diferença do Oxigênio Dissolvido (OD) antes e depois do período de incubação.

DQO: Demanda Química de Oxigênio. Parâmetro indispensável aos estudos de esgotos sanitários e efluentes industriais. Ele avalia a quantidade de oxigênio dissolvido (OD) consumido em meio ácido que leva à degradação de matéria orgânica.

Ebitda: Earnings Before Interest, Taxes, Depreciation and Amortization é um indicador financeiro que representa a geração de caixa operacional da empresa, desconsiderando os impactos financeiros e dos impostos. Corresponde ao lucro líquido antes do imposto de renda e da contribuição social, das despesas de depreciação e amortização e do resultado financeiro. 

Ecofisiologia: é o ramo da fisiologia comparativa que estuda a diversidade fisiológica em relação ao ambiente e seu impacto na ecologia dos organismos.

FSC: na sigla em inglês de Forest Stewardship Council, é uma organização independente, não governamental, sem fins lucrativos, criada para promover o manejo florestal responsável em todo o mundo. Por meio de seu sistema de certificação, o selo FSC reconhece a produção responsável de produtos florestais, permitindo que aos consumidores e às empresas que tomem decisões conscientes de compra, beneficiando as pessoas e o ambiente, bem como agregando valor aos negócios.

GDPR: General Data Protection Regulation, ou, em português, Regulamentação Geral de Proteção de Dados, conjunto de regras que aumenta a privacidade dos usuários da internet.

GEE: Gases de Efeito Estufa são aqueles que absorvem parte dos raios do sol e os redistribuem em forma de radiação na atmosfera, aquecendo o planeta, em um fenômeno chamado efeito estufa. Dióxido de Carbono (CO2); Metano (CH4); hidrofluorcarbonos (HFCs) e perfluorcarbonos (PFCs), usados em aerossóis e refrigeradores, são exemplos.

GRI Standards: normas desenvolvidas pela organização internacional e sem fins lucrativos GRI (Global Reporting Initiative)‎ para orientar empresas, governos e outras organizações a entender e comunicar o impacto de seus negócios em relação a tópicos críticos de sustentabilidade, como mudanças climáticas, direitos humanos e medidas anticorrupção. Na versão Essencial, são divulgadas as informações necessárias para entender a natureza da organização, seus temas materiais e impactos. Na versão Abrangente, a empresa deve divulgar mais extensamente seus impactos e todos os itens de divulgação específicos, para cada tema material coberto pelas Normas.

Hearts and Minds: é uma metodologia que representa os níveis da maturidade de segurança ocupacional de uma empresa.

Hotspot: área com pelo menos 1.500 espécies endêmicas (que só existem naquela região) e que já perdeu mais de ¾ de sua vegetação original.

IEC 62443: é o padrão mundial para segurança dos sistemas de controle industriais no domínio das tecnologias operacionais. O padrão foi criado pela Sociedade Internacional de Automação (ISA).

IFC: sigla em inglês de International Finance Corporation. Em português, Corporação Financeira Internacional. Instituição de desenvolvimento global focada no setor privado nos países em desenvolvimento. É membro do Grupo do Banco Mundial.

Índice Foex: índice de preços para os principais tipos de celulose, papéis e aparas negociados na Europa, para os tipos de celulose e papel-jornal negociados nos Estados Unidos e para os tipos de celulose comercializados na China. A Foex Indexes Ltd é uma companhia privada da Finlândia. 

Indústria 4.0: termo usado para se referir a uma quarta onda da revolução industrial, em que as tecnologias digitais e a internet das coisas são aplicadas à manufatura. Nesse cenário, por exemplo, todas as máquinas estão interconectadas digitalmente dentro de um único sistema, permitindo monitorar os processos em tempo real e tomar decisões mais adequadas.  

IPCC: sigla em inglês de Intergovernmental Panel on Climate Change. Em português, Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas. Criado pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (ONU Meio Ambiente) e pela Organização Meteorológica Mundial (OMM), ele tem como objetivo não só fornecer aos formuladores de políticas avaliações científicas regulares sobre as mudanças climáticas, suas implicações e possíveis riscos futuros, como também propor opções de adaptação das políticas e de mitigação de danos. 

IPS: Índice de Progresso Social. Metodologia que mede itens da qualidade de vida do território, de forma independente do desenvolvimento econômico.

ISE: o Índice de Sustentabilidade Empresarial é uma ferramenta para análise comparativa da performance das empresas listadas na Bolsa de Valores (B3) sob o aspecto da sustentabilidade corporativa, baseada em eficiência econômica, equilíbrio ambiental, justiça social e governança corporativa. Também amplia o entendimento sobre empresas e grupos comprometidos com a sustentabilidade, diferenciando-os em termos de qualidade, de nível de compromisso com o desenvolvimento sustentável, de equidade, de transparência e prestação de contas, de natureza do produto, bem como de desempenho empresarial nas dimensões econômico-financeira, social, ambiental e de mudanças climáticas.

ISO 14001: norma que especifica os requisitos de um Sistema de Gestão Ambiental e permite a uma organização desenvolver estrutura para a proteção do meio ambiente e rápida resposta às mudanças das condições ambientais. Leva em conta aspectos ambientais influenciados pela organização e outros passíveis de serem controlados por ela.

ISO 50001:2018: norma que especifica os requisitos para estabelecer, implementar, manter e melhorar um sistema de gestão da energia (SGE). O resultado pretendido é permitir que uma organização siga uma abordagem sistemática para alcançar a melhoria contínua do desempenho energético e do SGE.

IUCN: International Union for Conservation of Nature (ou União Internacional para a Conservação da Natureza, em português) é uma organização civil dedicada à conservação da natureza, que criou a Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas, o maior catálogo sobre o estado de conservação de espécies de plantas, animais, fungos e protozoários de todo o planeta.

Key Risk Indicators (KRIs): os Indicadores Chave de Risco, na tradução, são indicadores sobre os principais riscos aos quais uma empresa está exposta. Ou ainda, são as métricas que as empresas usam para verificar qual é o potencial de exposição a determinado risco.

KODS: objetivos de curto, médio e longo prazo definidos pela Klabin que acompanharão a sua estratégia de crescimento, em consonância com os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, da ONU.

LGPD: Lei Geral de Proteção de Dados (Lei nº 13.709/2018). Em linhas gerais, dispõe sobre as atividades que envolvem utilização de dados pessoais por pessoas físicas ou jurídicas de direito público ou privado, com o objetivo de proteger os direitos fundamentais de liberdade e privacidade.

Lignina: polímero orgânico complexo que une as fibras celulósicas, aumentando a rigidez da parede celular vegetal. Constitui, juntamente com a celulose, a maior parte da madeira das árvores e arbustos.

MFC: sigla para Celulose Microfibrilada, uma matéria-prima natural e renovável, uniforme e altamente cristalina obtida pelo processo de fibrilação mecânica e/ou quimo-mecânica da celulose, que gera a desintegração da parede celular da madeira e modifica as suas propriedades estruturais e de superfície, bem como a sua dimensão. Utilizada em papéis, tintas, cosméticos e tecidos.

ODS: Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Elencados pela Organização das Nações Unidas (ONU), os objetivos são um chamado universal para ações contra a pobreza, em favor da proteção do planeta e pela garantia de que todas as pessoas tenham paz e prosperidade. Os 17 objetivos oferecem a todos os países orientações claras e metas para adotar em consonância com suas prioridades e com os desafios ambientais de todo o globo. Seu pleno alcance requer a parceria de governos e do setor privado com a sociedade civil e os cidadãos comuns para garantirmos que deixaremos às futuras gerações um planeta melhor. Saiba mais aqui.

Pacto Global: iniciativa da Organização das Nações Unidas (ONU) para engajar empresas e organizações na adoção de 10 princípios universais nas áreas de Direitos Humanos, Trabalho, Meio Ambiente e Medidas Anticorrupção, a fim de que desenvolvam ações de enfrentamento dos desafios da sociedade.

Packaging School: Escola de Embalagens. Instituição de ensino pós-secundária americana que visa a promover uma ponte entre a academia e a indústria por meio de parceria com empresas, especialistas e associações.

Race to zero: campanha global que reúne líderes de países, cidades, empresas, investidores e sociedade civil comprometidos a zerar as emissões líquidas de gases de efeito estufa até 2050.

Roadmap: metodologia visual e descritiva que aponta como será um produto ou um projeto específico em cada período de seu desenvolvimento. 

RPPN: Reserva Particular do Patrimônio Natural é uma categoria de unidade de conservação (UC) de domínio privado, com o objetivo de conservar a diversidade biológica. A criação dessa UC não afeta a titularidade do imóvel. Além de contribuírem para a ampliação das áreas protegidas no país, as Reservas auxiliam na proteção da biodiversidade dos biomas brasileiros.

SBT: sigla em inglês de Science Based Target. Em português, Metas Baseadas na Ciência. A iniciativa estabelece metodologias para ajudar as empresas a desenhar uma meta de redução de emissão em consonância com a ciência do clima e com o desenvolvimento econômico sustentável. É uma colaboração entre o CDP, o Pacto Global das Nações Unidas, o World Resources Institute (WRI) e o Fundo Mundial para a Natureza (WWF). 

Spott Timber & Pulp: organização internacional inglesa que avalia as melhores práticas ambientais, sociais e de governança corporativa das companhias do setor de madeira e celulose.

Stakeholders: qualquer indivíduo ou organização que, de alguma forma, impacta e é impactado pelas ações de uma determinada empresa. Para a Klabin, seus stakeholders são colaboradores, clientes, fornecedores, órgãos reguladores, certificadores, órgãos públicos, instituições de ensino, imprensa, sindicatos, entidades civis, organizações sociais e comunidades do entorno de suas operações.

Tall oil: subproduto da produção de celulose, obtido da separação do sabão de tall oil do licor negro queimado. Serve para gerar vapor e eletricidade.

Taxonômica: é o processo que descreve a diversidade dos seres vivos.

TCFD: Task Force on Climate-Related Financial Disclosures ou Força-Tarefa sobre Divulgações Financeiras Relacionadas ao Clima, em português. É uma força-tarefa que reúne uma série de organizações com o objetivo de desenvolver um padrão comum para que empresas possam medir e divulgar os riscos financeiros relacionados ao clima.

Temas materiais: tópicos que refletem os impactos econômicos, ambientais ou sociais mais significativos da organização, ou que influenciam substancialmente as avaliações ou decisões dos stakeholders.

Turnover: taxa de rotatividade de colaboradores em uma organização durante um período de tempo.

Glossario

Glossário